Jovens deixam o futebol profissional para servir uma missão de tempo integral

Paulo e Claudio Gallardo são dois jovens peruanos que amam o futebol, essa paixão e dedicação os levaram a se tornarem jovens promessas do futebol peruano. Ambos são jogadores profissionais, Claudio joga em um conhecido time local e Paulo joga na primeira divisão.

Foto: Twitter Sporting Cristal

Em fevereiro deste ano, esses jogadores talentosos se filiaram à Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Claudio e Paulo Gallardo no dia de seu batismo com os missionários, o Presidente Amato da Missão Lima e sua esposa.

Durante os últimos meses, sua fé os levou a querer fazer algo a mais; servir uma missão de tempo integral para a Igreja.

A coragem de adiar um sonho para servir uma missão

Jogar futebol tem sido um sonho para Claudio e Paulo, os gêmeos que desde muito jovens chamaram a atenção dos técnicos por sua habilidade com a bola. Este ano essa paixão foi acompanhada por outra paixão, a paixão de seguir o Senhor.

Claudio e Paulo Gallardo ama o futebol desde a infância. Foto: Toqueygol

Um jogador de 18 anos está na idade de aprender e obter toda a experiência necessária para crescer no futebol, mas Claudio e Paulo aprenderam que aos 18 anos você também pode aprender e obter toda a fé necessária e força que recebemos ao seguir o Senhor.

Seguir sua fé às vezes não é fácil, requer ações que podem ser encaradas como antiquadas para aqueles que não entendem a importância que a fé tem na vida de uma pessoa.

Claudio e Paulo Gallardo frequentam regularmente o Templo de Lima, no Peru.

Para Claudio e Paulo, tem sido uma experiência reconfortante reconhecer que os mandamentos os ajudam a ter um relacionamento mais próximo com Deus. Um dos mandamentos que os ajudou a se aproximar do Senhor é dedicar um dia inteiro a Ele. Esse mandamento conhecido como o Dia do Senhor ajudou esses atletas a aumentar sua espiritualidade e aprender mais sobre o amor do Salvador por todos os Seus filhos.

O Dia do Senhor é o domingo, o dia em que seus times costumam jogar. Foi decisivo para Claudio e Paulo estabelecerem o que é mais importante para eles e então decidiram dedicar os domingos apenas ao seu crescimento espiritual.

Foto: El Bocón

Essa decisão surpreendeu os dirigentes de cada clube e as propostas melhoraram imediatamente para que os irmãos Gallardo continuem a jogar aos domingos. Mas mesmo que a proposta tenha sido interessante para eles, Claudio e Paulo decidiram somente dedicar seus domingos ao seu crescimento espiritual.

Claudio Gallardo e um amigo do futebol

Essa decisão foi uma das muitas que os irmãos Gallardo tiveram que tomar para colocar seu crescimento espiritual como prioridade, pois para eles, o Senhor está em primeiro lugar.

Tudo isso faz parte de sua preparação para algo maior: tornar-se missionários.

Eles querem compartilhar com os outros a mensagem que mudou suas vidas e estão dispostos a adiar sua carreira por dois anos para ajudar outras pessoas a encontrar o Senhor através de Seu evangelho.

Esta notícia chamou a atenção da mídia peruana que anunciou que os irmãos Gallardo não renovaram seus contratos com seus respectivos clubes para se concentrarem em sua preparação para servir uma missão de tempo integral para A Igreja de Jesus Cristo.

Paulo também teve que desistir de um contrato com a Adidas, devido a sua saída do futebol para se concentrar em sua preparação missionária.

“Nós confiamos no Senhor”

Esta tarde, no escritório do Más Fe, recebemos exclusivamente os irmãos Gallardo que compartilharam seu testemunho, sua história de conversão e seu profundo desejo de servir uma missão assim que completarem um ano como membros da Igreja.

Foto: La República

“Sempre foi nosso objetivo ser jogadores de futebol profissionais, mas quando nós conhecemos A Igreja de Jesus Cristo nos sentimos gratos porque era o que sempre estivemos buscando. Estudamos muito a Bíblia, mas quando lemos o Livro de Mórmon, sentimos uma alegria indescritível ”, explica Paulo, que também disse que superou a ansiedade e a baixa auto-estima desde que começou a ler o Livro de Mórmon diariamente.

“Confiamos no Senhor, nos colocamos em Suas mãos e sabemos que Ele tem um plano perfeito para nós no futebol e como futuros missionários de Sua Igreja. Enquanto nos esforçamos para guardar os mandamentos, prosperaremos ”, diz Claudio.

“A Igreja não está nos forçando a nos demitir”

Os irmãos Gallardo também explicaram que há muitos rumores sobre sua ausência no futebol, o mais usado é que a igreja está forçando-os a pedir demissão. Eles esclarecem: “A Igreja não está nos forçando a desistir do futebol. Nossos líderes religiosos sempre nos aconselharam a ser os melhores em tudo e respeitar nossas decisões ”.

“Graças aos nossos pais”

“Nossos pais sempre esperaram que fôssemos bons filhos, bons homens, próximos de Deus e de jogadores profissionais de futebol. Então eles gostaram da ideia de pertencermos à Igreja de Jesus Cristo porque eles percebem que estamos muito bem”.

Embora os pais dos irmãos Gallardo não pertençam ou compartilhem da mesma fé, eles respeitaram sua decisão com amor.

Os pais de Paulo e Cláudio frequentam a igreja regularmente, apesar de não pertencerem à mesma fé.

Somos gratos pelos excelentes pais que temos. Eles nos prepararam para ser quem somos agora. Nós os amamos ”, declaram Paulo e Claudio.

Uma mensagem especial para os jovens da Igreja que estão em idade para servir missão

“Não sabemos todas as coisas sobre o evangelho, temos apenas seis meses como membros da Igreja de Jesus Cristo, mas temos um testemunho e é por isso que já estamos preparando toda a documentação necessária para servir uma missão a partir de fevereiro de 2020.

Para os jovens que agora têm dúvidas sobre servir uma missão, queremos dizer-lhes que estudem as escrituras, orem, frequentem o templo e confiem no Senhor. Não há nada mais importante do que servir uma missão. Graças à decisão corajosa dos jovens missionários que nos ensinaram o evangelho recentemente, também queremos fazê-lo e compartilhar o Plano de Felicidade com todos ”, afirma Claudio.

“Como ele diz em Mateus 19: 29 ‘E todo aquele que tiver deixado casas, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou mulher, ou filhos, ou terras, por causa do meu nome, receberá cem vezes tanto, e herdará a vida eterna.’”, compartilha Claudio.

Claudio e Paulo Gallardo em seu aniversário de 18 anos

A equipe da Mais Fé parabeniza Claudio e Paulo Gallardo, dos quais temos certeza que se tornarão excelentes missionários. Confiamos que o Senhor tem bênçãos maravilhosas preparadas para eles.

Fonte: MasFe.org

Relacionado:

Promessa do futebol peruano deixa sua carreira para servir missão por dois anos

O post Jovens deixam o futebol profissional para servir uma missão de tempo integral apareceu primeiro em Portal SUD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *