A missão e o casamento são mais parecidos do que você imagina

Você provavelmente já ouviu muitos membros e líderes dizerem que a missão prepara para o casamento. Bem, é verdade.

Servir uma missão ajuda rapazes e moças a desenvolverem habilidades e atributos semelhantes aos de Cristo que os ajudarão a se adaptar e aproveitar a vida de casado. No entanto, não estou falando exatamente sobre isso.

Na verdade, estou me referindo a eventos específicos de sua missão, como fazer contato com as pessoas, ensiná-las, marcar compromissos, entrevistas, batismos, etc., que são situações que exigem habilidades também exigidas na vida de casado.

Se olhar mais de perto, perceberá que o casamento, em muitos aspectos, é como servir em uma missão de tempo integral. Vamos ver!

  1. Fazer contato = encontros

No campo missionário, espera-se que você entre em contato com um certo número de pessoas a cada semana.

Algumas pessoas chamam essa atividade de “fazer contato” ou “contatar”. O ponto é que você precisa conversar com quantas pessoas puder. O seu objetivo?  Encontrar uma pessoa ou família que esteja pronta para aceitar o Evangelho.

Bem, isso não é meio parecido com marcar um encontro? Você precisa conversar com as pessoas, entrar em contato com referências, pedir o número de telefone de uma pessoa, apresentar-se a alguém novo, etc. Para encontrar aquela pessoa que aceite quem você realmente é, e está disposta a fazer convênios no templo com você.

No entanto, da mesma maneira que no campo missionário, nem sempre temos sucesso imediato. Você conhecerá todos os tipos de pessoas: (1) as que são gentis, mas não estão interessadas, (2) aquelas que o colocarão na friendzone, (3) aquelas que têm potencial, mas têm problemas, (4) aquelas que estão interessadas, mas não querem um compromisso, e a lista continua.

Apenas lembre-se de que você nunca deve parar de tentar, porque ao longo do caminho você conhecerá esse pesquisador de ouro. Assim como na missão.

  1. Fazer compromissos = pedido de casamento

“Você vai seguir o exemplo de Jesus Cristo, e será batizado no dia ______?” Você fez essa pergunta muitas vezes, então você tem prática suficiente para o momento em que perguntar “casa comigo?” E se seus sentimentos são mútuos, a resposta não deve ser uma surpresa.

élder Soares - coraje para formar matrimonio

  1. Projetos de serviço = vida cotidiana

Como missionário, você dedicou 24/18 meses de sua vida ao serviço. Além dos compromissos para ensinar o Evangelho e encontrar pessoas, você também tinha atividades programadas nas quais você deveria colocar as mãos na massa.

Os projetos de serviço são grandes oportunidades para ajudar as pessoas na comunidade e compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo.

Quando você é casado, todos os dias da sua vida fazem parte de uma eternidade de projetos de serviço. Isso inclui limpar a casa, lavar roupas, cozinhar, cuidar do bebê, etc.

Você terá a chance de tornar a vida do seu cônjuge um pouco mais fácil e isso significa que você terá que fazer sacrifícios para que ambos possam cumprir suas responsabilidades.

  1. Entrevistas com o presidente da missão = orações

escrituras

De tempos em tempos, você tinha uma entrevista com o presidente da missão, onde compartilhava tudo o que sentia e pensava. Você falava de seu companheiro, do progresso das pessoas que ensinava, das perguntas que tinha sobre a o trabalho missionário, tudo. Depois de cada entrevista, você se sentia muito melhor.

Você não tem mais entrevistas agendadas com seu presidente de missão quando é casado, mas pode falar com alguém que sempre o ouvirá.

O Pai Celestial será seu confidente e seu apoio. Ele ouvirá seus problemas, o confortará quando estiver triste e se alegrará quando estiver feliz. A melhor parte é que você não precisa agendar essa reunião para compartilhar o que pensa. Você tem tempo ilimitado sozinho com Ele.

  1. Inventário de companheirismo = conselhos familiares

matrimonio en el Templo

Parte de sua responsabilidade como missionário foi fortalecer seu companheiro. Isso muitas vezes exigia conversas sinceras sobre as coisas que precisavam mudar para resolver suas diferenças.

Aprender a dar feedback construtivo foi uma habilidade que você desenvolveu para melhorar seu relacionamento com seus companheiros. Isso é algo que você também precisará quando estiver casado.

Servir em uma missão de tempo integral foi uma ótima experiência e é algo que você se lembrará para sempre. No entanto, agora você tem uma nova missão que é se casar e ter sua própria família.

Você já foi preparado para isso, você só precisa encontrar seu companheiro eterno e começar sua missão eterna juntos. Sucesso em sua procura!

Fonte: faith.ph

Relacionado:

O que esses casais aprenderam ao adiar seus casamentos por conta da pandemia

The post A missão e o casamento são mais parecidos do que você imagina appeared first on maisfe.org.

O post A missão e o casamento são mais parecidos do que você imagina apareceu primeiro em Portal SUD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *