Bispo em quarentena celebra casamento via chamada de vídeo: ‘Única opção’, diz noivo

Alyson Sá e Erin Welter se casaram durante quarentena nos EUA Foto: Facebook / Reprodução
Alyson Sá e Erin Welter se casaram durante quarentena nos EUA Foto: Facebook / Reprodução
Por Louise Queiroga

A pandemia do novo coronavírus tem mudado a rotina das pessoas em todo mundo. Para o brasileiro Alyson Sá, morador de Salt Lake City, em Utah, nos Estados Unidos, o isolamento social fez com a cerimônia de seu casamento com a operadora de telemarketing Erin Walter, de 24 anos, fosse realizada através da internet, com um bispo da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias do outro lado da tela. O jovem de 23 anos contou que o clérigo havia entrado em contato com uma pessoa infectada pela Covid-19 e, dessa forma, precisou ficar isolado de todos.

— Ele nos perguntou se poderia ser online ou se queríamos que fosse chamada outra pessoa, mas ele nos ajudou tanto que preferimos ficar com ele — relatou Alyson, ressaltando que o apoio da família foi muito importante para o casal. — Acho que foi uma coisa única e diferente o que aconteceu — acrescentou.

Foi assim que os noivos, juntos há sete meses, realizaram a cerimônia do matrimônio dentro de casa no final de março, com menos de dez convidados sob o mesmo teto, mas com o dobro de amigos e parentes unidos a eles na comemoração daquele momento “único” por meio de um aplicativo de chamada de vídeo.

— A família estranhou a princípio também, porque foi meio rápido, mas todos ajudaram de uma forma ou outra e ficaram bem felizes pela nossa decisão. Tivemos comida brasileira e tudo — contou, animado, pouco após realizar a mudança para a casa nova.

Alyson Sá e Erin Welter se casaram durante quarentena nos EUA
Alyson Sá e Erin Welter se casaram durante quarentena nos EUA Foto: Facebook / Reprodução

Para Alyson, que trabalha como caixa e mora nos EUA há cerca de dois anos, a ideia de adiantar o casamento surgiu conforme despontavam cada vez mais notícias sobre a disseminação do novo coronavírus nos Estados Unidos, provocando o fechamento de diversos estabelecimentos. Assim ele soube que “as coisas não podiam sair como o planejado” e, num período inferior a duas semanas, os arranjos foram feitos.

— Corremos para pegar os papéis do casório e aqui (nos EUA) um bispo da igreja pode realizar o casamento. O próprio estabelecimento do governo já não estava mais realizando casamento. Então era nossa única opção — contou. — Mas, dois dias antes da data marcada ele ligou falando que tinha estado em contato com alguém que teve coronavírus e não poderia fazer a cerimônia pessoalmente.

Alyson Sá e Erin Welter se casaram durante quarentena nos EUA
Alyson Sá e Erin Welter se casaram durante quarentena nos EUA Foto: Facebook / Reprodução

No entanto, saber que os votos seriam abençoados via internet não desanimou Alyson e Erin. Muito pelo contrário, o casal abraçou a ideia e ficou satisfeito com o resultado.

— Deu tempo para cada um das pessoas mandarem boas vibrações, todos que participaram, e tivemos nosso tempo de falar com eles, dizer o que sentíamos. Foi estranho porque parecia tudo corrido, mas tanto eu quanto minha esposa, nós acabamos percebendo que fizemos a melhor coisa. Não sabíamos quando poderíamos casar depois (da pandemia) e fizemos o que achamos que fosse o certo, da forma segura, para depois não dependermos da sorte e do destino do coronavírus.

O Centro para Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos informou nesta quarta-feira 395.011 casos de coronavírus, um aumento de 20.682 casos em relação à contagem anterior, e disse que o número de mortes aumentou em 690, para 12.754.

Fonte:
https://extra.globo.com/noticias/brasil/bispo-em-quarentena-celebra-casamento-via-chamada-de-video-unica-opcao-diz-noivo-24359901.html?fbclid=IwAR0-7hpqPD8f6MUVFK-fWNq2dn17LYNqde3JYxXuHwbtFu7S_jhU5Qw8vns

O post Bispo em quarentena celebra casamento via chamada de vídeo: ‘Única opção’, diz noivo apareceu primeiro em Portal SUD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *